dezembro 13, 2008

E o filme finalmente ficou pronto....

Oi gente...

É... Essa novela acabou. Terminei o tão falado, aclamado, resmungado filme para o trabalho de Sociologia... Foi... Mas não sem antes passar pelas emoções finais, como toda novela.

DIA ANTERIOR A ENTREGA DO FILME:
Estava com o Harison no escritório do pai dele, terminando de editar o filme. Eu fiquei toda empolgada, porque o filme tava uma graça, do jeitinho que eu idealizei! Mas faltava ainda terminar os créditos e converter para DVD, que era o formato que a professora havia pedido.
Deixamos para o dia seguinte, já que meu amigo tinha compromisso e o processo era rápido. Quando fomos nos despedir, meu amigo solta a frase:"Se meu pc não enjoar a gente termina tudo!" Boca maldita!

DIA DA ENTREGA DO TRABALHO:
Fiquei tranquila trabalhando, mas senti falta do meu amigo no MSN. Asim que cheguei em casa, liguei pra ele pra saber a que horas eu podia ir pra lá. Aí ele me vem com a notícia de que o pc realmete tinha enjoado, não queria ligar. Eu fiquei em pânico! Só fltava ter perdido o meu trabalho no dia da entrega!
Resumindo: ele disse que precisava só levar o HD pra casa de um amigo dele e terminar o trabalho, mas precisaria de mim pra dizer o que eu queria colocar nos crédito. Parecia tão simples, né!? Mas não foi...

Pra completar, eu tinha um amigo secreto de Havaianas no trabalho. É... Um amigo secreto em que todo mundo sabia que iria ganhar uma Havaiana. Era pra eu estar prsente as 14:00. Eram 13:30 quando o céu começou a despencar em forma de água. Choveu, mas choveu! E pra completar mais um pouquinho, eu tinha que sair com o Natan, pra deixá-o lá na loja com a minha mãe. Como se sai com criança no meio da chuva? Esperei acabar, né, ou diminuir...
A chuva diminuiu, levei o Natan, participei do tal amigo secreto e fui encontra meu amigo.

Ai, gente... a parte do busão lata de sardinha eu vou pular, tá!? Me custa até lembrar...

Bom, cheguei na casa do amigo do meu amigo e as notícias não eram tão animadoras. Faltava um cabo, uma fonte e mais alguns tecos de informática que eu não entendo nada, e meu amigo tinha que voltar pra pegar. Fiquei esperando... Enquanto isso, olhei no relógio: 16:00hs. Karacas, eu tinha marcado com as meninas as 18:00 pra vermos o filme e discutirmos como ia ser a apresentação... Mas vai que dá certo e eu chego na hora?
Quando o Harison chegou e eu vi a carinha dele, me deu vontade de chorar... Até ele tava preocupado em não dar certo... E eu só resava ou pra dar certo, ou pra eu ter um treco e só acordar no dia seguinte, quando tudo tivesse acabado... E pra completar começou a me dar uma dor de barriga doídaaaaaaa.....
E esses meninos mexeram nesse compuador, jogavam fios pra lá, fios pra cá, liga e desliga, liga e desliga, e eu morrendo de medo daquilo tudo explodir e o trem fuder de vez!
Finalmente funciona... e consigo ver meu lindo filmezinho na tela do pc... Ai, que alívio... Rapidinho terminmos o que tinha de terminar, mas como estávamos em outa máquina, o filme tinha que baixar, slide por slide... pense num trem que demorou! Talvez nem tenha demorado tanto assim, mas eu tava tão angustiada, que pra mim demorou uma eternidade!

Eu só sei que o processo consistia em terminar o filme em slide, passar pro formato de filme, passar pro formato de DVD e depois gravar na Mid. Simples, não!? não... não foi mesmo!
A essa altura já eram qase 18:00 e eu fui tratar deligar pra minhas amigas e pra minha mãe avisando que eu tava enrolada e que não ia dar tempo de pegar o Natan com ela. O que aconeceu? A bateria da @#$%¨&* do celular acaba! Lá vai eu atásde um orelhão!

Bom, a casa desse amigo do meu amigo ficava numa região em que eu havia morado há um tempo atrás. Há muito tempo atrás diga-se de passagem, e eu nunca mais tinha passado por lá. Pra minha felicidade reencontrei um monte de antigos vizinhos... Que felicidade!!!!!!
Todo mundo querendo saber da minha mãe, do meu pai, do meu filho, se eu tinha casado, se eu tinha formado e eu só queria saber do meu filme. Tadinhas, nem consegui dar muita atenção... Só pensava em dar um jeito de sair dali rapidinho!!!!

Voltei pra casa do amigo do meu amigo e fiquei esperando a porcaria do filme ficar pronta. Quando foram passar para o DVD e eu olhei o tempo estimado de espera: 3:00 hs mais uns quebrados. Bem, eram pra lá de 18:00, eu tinha que tá com filme na sala as 19:00. Tudo em perfeita sincronia!!!! AAAAAAAhhhhhhhhhhhhh!!!!!!!!!!!!!
Tive que pensar rápido. O jeito era levar em formato de vídeo mesmo e passar no datashow. Assim foi feito. Consegui sair de lá faltando meia hora pra aula começar... De busão... No transito de Gyn... Eu só queria chorar...
No trajeto, eu tava mais aliviada, afinal o filme tava lá comigo, ia ser apresentado... Será?

Chegaram meus trapos a faculdade. Nem o tradicional amendoim consegui comer de tão nevosa que eu tava. Na hora de colocar o filme pra funcionar: o filme trava! Começar a passar a imagem travada e a voz gaguejando. E eu pedia a Deus pra não ser eu naquela hora. Tentei, tentei e nada. Pedi pra profa um tempo pra tentar resolver, sem sequer ter idéia do que tava acontecendo.
Sai eu desesperada, a Ju e a Lari atras. Procuramos outro computador, tentamos passar o video para um pen drive e nada. Resolvemos procurar uma lan house pra ver se alguem que entende da parada nos ajudava.
Foi a volta ao Setor Universitário em dez minutos! Mas achamos a lan house e... pasmem: não tinha problema algum com o video. Era a máquina do data que era uma bosta mesmo e não tava suportando o peso do arquivo.

A Ju maravilhosa ligou pro maridão dela e ele levou o laptop dela que tinha o dobro da memória(quisá o triplo) da máquina do datashow. No fim de tudo o filme rodou, um pouco desconexo, mas rodou. Uma bosta pra dizer a verdade, mas foi. E até que deu uma discurssãozinha no final de tudo. Ficou legal, acho que o povo entendeu que eu quis dizer como filme. Se não entendeu foda-se também, só espero que pelo menos a profa tenha entendido pra me dar uma nota descente!

Enfim, graças a Deus, passou tudo! E olhando assim, daria uma bela comédia hollywoodiana... Mas eu sofri aquele dia viu..

E acreditem:

A LEI DE MURPHY EXISTE MESMO!

Ou alguém tem alguma outra explicação para esse episódio da minha vida?

Fuis!!!!!

2 comentários:

Douglas disse...

Nossa que dia complicado esse seu, este texto relatando as suas aventuras por causa do filme ficou super emocionante. Fiquei feliz por te dado certo o seu trabalho.
Déborra bjosss

Harison disse...

kkkkkkkkkkkkk...
Isso tudo entrou pra minha historia...
Uma nova aventura e coisas interessantes acontecendo...
By: Editor do Filme!